Terça-feira, 24 de Maio de 2005

Onda

Blog003.JPG

...às vezes uma onda é mesmo só isto. Esta foi fotografada no Estoril, por uma objectiva que hesitava entre motas de água e surfistas a droparem ondas de 5 metros lá ao fundo, e estas formas que quase passavam despercebidas, não fossem o vento e a luz do final de tarde oferecerem-lhes côr e textura...

inserido por Ricardo Bravo
publicado por Saposurf às 14:46
link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De Nuno Lobito a 25 de Novembro de 2005 às 20:43
Estas a creces!!
fico feliz por isso
abracos
Nuno lobito
De Surfer a 31 de Julho de 2005 às 01:12
É curiosa a maneira como nos restrigimos no nosso subconsciente à nossa relação com o mar. Normalmente fazem-se elogios a tal proximação com a Natureza, no seu estado mais puro e selvagem que de tanto magnifico e de esplendido nos fascina. A relação establicida pelo simples facto de estar dentro de água, mesmo que à espera da tal onda perfeita, o simples desafio por si só criado com o grande corpo aquático, revela-nos que a nossa actividade é aparentemenete inócua e inevitavelmente concluimos que amamos este enorme bem precioso que tanto dá vida ao nosso planeta. Quando saimos do seu contacto após intensas sensações, o que trazemos dali para além de algumas gotas de água salgada e memórias de tempos bem passados? Não deixamos nada mais do que fortuitas descargas de ácido úrico e fluidos nasais? Como seres que somos não há lugar para tal destinçao, pois até aos dias de hoje ainda não se descobriu nada de prejudicial em caçar ondas até mesmo na relação que estabelecemos quando encaramos este grandioso monstro. Diante de tais factos, poderemos afirmar-nos como eternos amantes do mar? A questão está em saber se devemos ter orgulho ou vergonha em assumir tal facto... na imposição de ser amante encontra-se implicito aquele elemento que no âmbito de uma relação encontra-se envolvido num acto de traição. Sendo amante, usamos e abusamos desta relação de satisfação imediata mas contrariando o instinto não temos coragem de assumir tal união. Talvez por medo de falhar, ora por preguiça de nos envolvermos, pela covardia diante o desafio de comungar numa relação entre o espaço e o ser, onde é decisivo estar preparado para dar o passo seguinte sem temer as rédias desta disputa.
Depois de cavalgar nas ondas e de defrontar tal vida, restanos apenas o prazer, não quiantificável mas bem real e inestimável, onde numa relação de tal sentimento tão profundo onde apenas não chega plantar mas também colher. Na frontalidade com esta magnificência desafiamos as leis físicas sobre a água e em seres cujas veias metaforicamente corre tanta água salgada como sangue, apesar de igual à nossa estrutura molecular, este mundo nos enche de paz e harminia interior depois de um breve diálogo onde despejamos as nossas frustações e decargas negativas... é sobre este imenso mundo que reflectimos e o tratamos tão mal e nos contestamos quando se revolta... Imagino que muitos se interrogam sobre esta pertinência, mas para que pensamentos mais livres de paranóias do mundo moderno e das intolerâncias tensões do quotidiano, o que adiantará promover um sonho quando, enquanto nada fazemos e o mundo se vai aos poucos transformando-se num pesadelo do qual dificilmente acordamos!
Mas nada que proporcione genuino prazer e satisfação. Tal como é preciso procurar mais longe, com maior sabedoria e sentido de aventura para encontrarmos ondas sem "crowd" num mundo cada vez mais populado, onde também é urgente ser cada vez mais autentico para sobreviver numa sociedade que progressivamente vai sendo dominada pela imagem, pelo simulacro, pelo rótulo sem conteúdo. O resarvatório da alma está ao alcance dos predadores, mas os corpos que por ela não são habitados estão a aprender a dominar a arte do disfarce, ameaçando tornar fantasia em realidade, um significante sem significado. Só as ondas se mantem imutaveis.
De ana a 14 de Julho de 2005 às 15:01
bem....linduhhhhh....lindissimuhhh....
De Maria a 21 de Junho de 2005 às 17:37
Vi isto por acaso e gosto da maneira como o site de surf do sapo está decorado, mas acho q este artigo não está grande coisa, tenho que ser sincera...Apesar disso gosto da fotografia e dos comentários e realmente o que dizem no deles é verdade, o que seria de nós sem a praia!Realmente Deus não nos podia ter dado nada melhor nem mais belo que a natureza!Eu pelo menos adoro ir a praia!
De GiS a 16 de Junho de 2005 às 13:56
Belissímo! =)*
E o que seria d nós sem esta beleza? Como seriam os nossos dias se não nos podessemos deslumbrar esta imensa beleza?
Eu não NÃO ERA NADA...
Ricardo Bravo é EXCELENTE...SEM PALAVRAS!
De xixa a 1 de Junho de 2005 às 22:53
Boss acho que ninguem vê isto!!!
De xixa a 30 de Maio de 2005 às 00:31
boss és o maior e não, não são lagrimas nos meus olhos, foi o mar que me cuspiu na cara...
De Tchello a 27 de Maio de 2005 às 21:06
Beleza de mar e crista de onda parabens
De Sérgio "maddog jay" silvestre a 23 de Outubro de 2007 às 12:01
hey , estou a rever a surf portugal nº 176 edição de Agosto ano 2007. Bem, e... não sou propriamente grande fã de revistas de surf nem compro muitas; após todos estes anos no mar que ja conto serem mais de 10 devo ter comigo umas 15 a 20 revistas de surf se contarmos que em 10 anos sairam pelo menos umas 120 revistas Surf Portugal devo dizer que falhei umas 100 idas à papelaria mais próxima em busca da tão ansiada revista por alguns devo dizer. Mas o facto é que de todas as edições este é muito especial porque em todas as revistas que li vi nunca tinha encontrado algo tão realmente útil como a reportagem que se inicia na página 70 "preludio do INVERNO" um manual - para dizer a verdade considero essa reportagem realmente maravilhosa por nela conter as tão essenciais dicas que tornam eta revista realmente necessária - quem não tem deve ter pelo menos uma cópia das páginas desta edição, porque realmente tem algo para dizer , a experiência partilhada por aqueles que já lá estavam e sempre estiveram lá algo para as gerações mais novas aprenderem com a experiencia de quem anda nisto à mais tempo Mas umas das coisas que me chamou a atenção foi exactamente a página 81 "não penses vai" na verdade resumiu tudo naquele momento. Não é uma foto de surf comum, ninguem a surfar a onda apenas 3 marmelos a avaliarem as condições antes da entrada os primeiros a chegar aos coxos naquele dia os primeiros a marcarem posição; è uma grande foto Ricardo Bravo; capaz de fazer escorrer rios de tinta sobre papel. Não foi premeditada completamente expontanea queres saber a verdade eu sou o tipo do meio silvestre_sergio1@hotmail.com e aqueles dois dias em que tivemos os coxos por nossa conta tem uma história muito grande por detrás. Podes ter procurado mas não me voltas-te a ver lá porque essa onda é boa demais para ser partilhada com gente mesquinha; essa ida aos coxos foi exactamente shut your mouth NICO da sementolas fuck of you big jerk pelo dias que me quizeste expulsar dos coxos e foi exacteamente um toma lá tu e os teus amiginhos podem ficar com a onda naqueles dias que estão todos a dropinar uns aos outros porque esse mano quando lá voltar é para surfar solo sem dropinos sem voltinhas Free surfer soul surfer. a verdadeira essencia dos coxos deturpada pelos padrões actuais que regem o line up nestes dias. yeah os coxos serão sempre a minha onda perfeita tal como para ti PB big rider; Juro que adorava estar lá mais frequentemente mas para mim essa perfeição merece ser surfada naquilo que essa onda é clasisficada como Free Surf;. Anos atrás existia uma pergunta Concorda com a realização de uma etapa do WCT nos Coxos e a resposta foi: NÂO - os coxos é Free Ride; soul surfers paradise; e essas serão as condições nas quais eu voltarei lá, entretanto que se f****Da portugal tem uma linha de costa suficientemente grande com ondas por todo o lado pode não ser os coxos mas ao menos não tenho que aturar merdas de ninguem nem gramar com a podridão que se instalou no line up da melhor onda de portugal
De Vanda Catita a 20 de Julho de 2008 às 23:33
"...estas formas quase passavam despercebidas..."são simplesmente formas, com textura, côr,cheiro e sabor, que nos envolvem a alma e renovam o espírito de uma forma que só o mar o sabe fazer!

Ricardo, adoro as imagens que permites ver .

Bom trabalho! Vanda

Comentar post

Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

PESQUISAR

 

POSTS RECENTES

TOP 10 HISTÓRIAS DE 2007 ...

O Havai

Centros de Alto Rendiment...

O Cristiano Ronaldo do Su...

SACA TUDO NO WCT

A nova geração

Vem aí o mundial

Mais 20 por favor

Chegaram?

O Tubo

ARQUIVOS

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Março 2006

Agosto 2005

Maio 2005

blogs SAPO

subscrever feeds